ofplogo.gif (4994 bytes)


CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA


Recebemos do confrade Antônio Silva Mello, de Cabo Frio/RJ a seguinte carta:

"Prezado Sr. Erasto

"Tive a grata satisfação de ler ‘O Franco Paladino’, nº 9, e gostaríamos de receber os números anteriores, bem como os futuros.

" Caso Va. Sa.. se digne me dar uma resposta satisfatória, segue abaixo meu endereço".

Nossa resposta: É claro, Companheiro Antônio S Mello. Temos muito prazer em atendê-lo".


Do confrade Cledson Sady, de Jacobina/BA, recebemos quatro exemplares do Boletim "Telles de Menezes" e a seguinte carta, datada de 5 de fevereiro de 2004:

"Prezado Confrade Erasto

"Conforme solicitei, estou listando abaixo algumas perguntas que, caso o Sr. concorde, será tema da nossa página de entrevista (Conversando),

"As questões que lhe proponho são as seguintes:

l-Qual sua trajetória no movimento espírita brasileiro e sua formação pessoal;

2-Qual a avaliação que o Sr. faz da estrutura e funcionalidade do movimento espírita brasileiro?

3-O Sr. enxerga possibilidades, dentro da atual estrutura do movimento espírita, em termos representatividade junto a organismos municipais, estaduais e federais, como representantes de um grupo de cidadãos, assim como católicos, protestantes e outros religiosos conseguem? Conseguimos nossa cidadania enquanto espíritas/

4-Qual sua opinião sobre a literatura mediúnica dos últimos dez anos?

5-O Sr. vê possibilidade de democratização dentro das estruturas de poder do movimento espírita, especialmente nas federações?

6-Na opinião do Sr., como anda a imprensa espírita no Brasil?

7-Qual a maior qualidade do movimento espírita no Brasil?

8-Como está sendo a receptividade do jornal "O Franco Atirador", dirigido pelo Sr.?

Caso o Sr. queira acrescentar informações ou tocar em outro tema, esteja à vontade. As respostas podem ser enviadas pelo e-mail acima e as respostas, antes de serem publicadas, serão repassadas de volta ao Sr. para aprovação, caso não possamos, por motivo de espaço, publicá-las na íntegra.

Abraço do Cledson Sady".

Caro leitor amigo, Sr. Cledson Sady.

Foi com grande alegria e satisfação que recebi sua carta, e, sobretudo, as questões que me propôs para analisar e dar meu parecer pessoal.

Meus sinceros parabéns pela iniciativa.

Devo informar-lhe que estou atendendo ao seu pedido, e, tão logo chegue ao final do questionário, lhe mandarei as respostas.

Mas eu gostaria também de saber sua opinião sobre o meu "O Franco Paladino", e qual o grau de aceitação dele aí em sua cidade

Um grande abraço muito fraterno.

<<< Voltar