ofplogo.gif (4994 bytes)   


NOSSAS PALAVRAS DE FIM DE ANO

                .

                Aproveitamos o mês em que se comemora o Natal do Homem de Nazaré, nosso Mestre muito amado, Jesus, para lhe pedir que interfira junto a Deus , a “Inteligência Suprema do Universo, causa primeira de todas as coisas”, para que os homens que se dizem civilizados reconheçam os erros que estão cometendo há séculos. E acabem de uma vez por todas com esses atos de violência que vêm praticando.

                É triste, bastante desolador, o espetáculo a que assistimos, diariamente, através da mídia: atos de terrorismo em toda a parte, resultando na morte de inocentes e destruição das cidades, das matas e florestas, dos mares, rios e lagoas

                O que mais se vê hoje em dia, em pleno alvorecer do século XXI, são gestos de verdadeiros selvagens, praticados dentro dos lares, nos grupos sociais, nas instituições públicas e particulares e até nos grupos religiosos. Em toda a parte predominam: a inveja, a ambição, o egoísmo, a mentira, a violência, a corrupção, a riqueza, o poder.

                Mas não foi isto que tu pregaste, ó Mestre amado, há dois mil anos atrás. Muito pelo contrário!

                Tuas palavras, teus discursos, tuas mensagens, de Espírito Superior, encarnado no corpo de um grande homem, um sábio, um iniciado das grandes verdades, um transformador social, um revolucionário no bom sentido da palavra, foram muito diferentes. 

Viveste e morreste pregando a paz, o amor, a bondade, a reconciliação, o perdão, pois falavas em nome de Deus, Supremo Arquiteto do Universo.

                Mas os homens, que vêm em ti, Jesus amado, o próprio Deus, colocando-te como sendo a Segunda Pessoa da Santíssima Trindade; os homens que se ajoelham diante da tua imagem de pedra e acompanham contritos as procissões promovidas pelos magnatas que se apresentam em templos de ouro e nas  grandes catedrais e andam viajando pelo mundo em seus aviões de luxo e se dizem teus representantes, esses não cumprem os mandamentos de Deus,  nosso Pai, ditados a Moisés no Monte Sinai; mandamentos que tu, Mestre querido, deixaste bem claro que vieste cumprir e não destruir.

                O Brasil, nossa Pátria amada e idolatrada, é bem um exemplo disto que estou falando. Nasceu em 1500, mostrando no céu o símbolo da cruz. Era, portanto, a Pátria do Cruzeiro, abençoada por Frei Henrique de Coimbra e protegida pelo Padre jesuíta Manoel da Nóbrega. Cinco séculos depois, se transformou na Pátria do Evangelho, abençoada e protegida pelo Cordeiro de Deus, conforme declarou Humberto de Campos (Espírito), com o aval de Emmanuel, do médium Chico Xavier e dos roustainguistas que dirigem a Federação Espírita Brasileira e orientam o nosso movimento.

                E o que vemos aqui? Nada mais do que violência, violência, violência. Além disso, outras qualidades inferiores: ganância, corrupção, mentiras, hipocrisia, maldade, inveja, calúnia, exploração humana até por parte de gente da igreja, assaltos, roubos, atos de covardia, de desrespeito ao próximo, vandalismo etc. etc. etc.

                Estaremos mentindo?! Estaremos exagerando?! Claro que não! Basta passar os olhos pelos jornais e revistas que circulam diariamente, para se ter a consciência de que o Brasil não é nem nunca foi a Pátria do Evangelho, porque, em sua grande maioria, os que vivem aqui  não cumprem o teu  Evangelho, não se lembram mais das tuas mensagens de paz, de amor e de fraternidade.

É triste reconhecer isto, mas é a verdade.

                Apesar de tudo, ó Mestre amado, grande Homem inspirado por Deus, grande vulto do passado, do presente e também do futuro, nós pedimos a tua proteção, o teu amor, o teu carinho.

                E fazemos isto no mês do teu aniversário ocorrido no dia 25 de dezembro.

                Obrigado, Jesus amigo, muito obrigado!

               

EM HOMENAGEM AO HOMEM DE NAZARÉ, JESUS, NOSSO AMADO MESTRE E AMIGO ESPIRITUAL,

       DESEJAMOS A TODOS  OS NOSSOS LEITORES QUERIDOS

                                             FELIZ NATAL

                                                         E

                                PRÓSPERO ANO NOVO!