ofplogo.gif (4994 bytes)   


 

CENTRO ESPÍRITA FRIBURGUENSE LANÇA PROCLAMAÇÃO

                 A ADE-RJ (= Associação de Divulgadores do Espiritismo do Rio de Janeiro) e a Congregação dos Policiais Militares Espíritas do Rio de Janeiro realizaram no último dia 7 de agosto de 2004 mais uma reunião de estudo da Doutrina Espírita Codificada por Allan Kardec, o único e verdadeiro Missionário da Terceira Revelação.

            Coube ao escritor e grande orador espírita, Artur Felipe de Azevedo Ferreira, proferir a palestra do dia que versou  sobre o tema “Os Inimigos do Espiritismo”.

                Terminada sua brilhante exposição, distribuiu aos presentes uma apostila com uma Proclamação  endereçada aos dirigentes de Centros e Sociedades Espiritas , assinada pelo Sr. José Manoel Ferreira Barbosa, muito digno Presidente do Centro Espírita Friburguense, situado na  Av. Comte Bittencourt nº 102 – Nova Friburgo/RJ – CEP = 28.610-010.

                Nessa “Proclamação” se diz, claramente que o movimento espírita brasileiro “é refém da mediunidade e de um insaciável mercado de obras mediúnicas, que embaraça o acesso à Codificação de Allan Kardec”.

                No final, é lançado o seguinte questionamento:  “- Qual será o futuro disso tudo? Ficarão com o Espiritismo conforme está codificado, ou, para evitar prejuízos financeiros e perderem o grande filão, ficarão com as obras mediúnicas que entopem o mercado, adulteram e afastam os interessados do que é verdadeiro e representa a 3ª Revelação de Deus à Humanidade?!”

Em nota complementar, foi transcrito o seguinte: “Este texto foi aprovado, em inteiro teor, pelos onze diretores do Centro Espirita Friburguense.

<<< Voltar